Os Imortais
Okina conseguiu destruir Sunagakure, tornando o vilarejo um só com as suas origens, as areias profundas do deserto. O mesmo aconteceu em Kirigakure no Sato, onde a entidade afundou a vila no oceano que o cercava. Porém, ao tentar acabar com Konoha, a inimiga da humanidade falhou sendo impedida pelos novos salvadores do mundo. Abençoados por Hagoromo, os ninjas Mako e Mordred conseguiram selar a adversária criando uma segunda lua pairando sobre o planeta. Passadas algumas semanas, uma seita antiga se reuniu procurando o local onde poderiam ressuscitar Jashin, um deus antigo. Liderados por uma mulher capaz de ouvir a voz do deus, os seguidores subiram a Cordilheira dos Deuses e encontraram uma rocha cheia de selamentos frágeis e acabaram assim liberando um novo inimigo que se diz ter muitos nomes: Kami-sama, Jashin-sama e Shaka-sama. A nova divindade absorveu os poderes da lua onde Okina foi selada e transformou-se totalmente, porém, uma quantidade estranha de chakra vazou e espalhou-se no planeta inteiro.O novo inimigo da humanidade marcou três vilarejos: Konoha, Iwa e Kumo. Mas quais são seus verdadeiros planos? E quem é a pessoa que despertou depois de muitos anos?
.
.
.
.
.
Últimos assuntos
» 3) Solicitações de Avaliação
Hoje à(s) 11:47 por Victor151

» Campo de treinamento Ryo
Hoje à(s) 11:43 por Victor151

» [Ato] Kazui
Hoje à(s) 11:32 por Kazui

» [M.S.] Status de um Yamanaka
Hoje à(s) 11:24 por DelRey

» [BB] Goroima
Hoje à(s) 11:24 por DelRey

» [ FIXO ] Sistema de Reset Parcial e Total
Hoje à(s) 11:21 por DelRey

» Rankeamento de Técnicas
Hoje à(s) 11:20 por DelRey

» [Sugestão] Especialidade em Aprendizagem
Hoje à(s) 11:12 por Arlong

» [RP - Hist] O ciclo da vida, Gamabuga
Hoje à(s) 10:47 por Kiwi

» [EPEC-SOLO] Incansável
Hoje à(s) 10:38 por Arlong


Convidado


20/6/2018, 11:49
Mensagens: 0
Geral
RPG
Ficha de personagem
Rank:
Perso:
HP:
CK:
ST:

Notificações
Não há notificações
Resetar as notificações

<

[FILLER]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[FILLER] - em 21/5/2018, 15:49

O túnel do tempo entra em ação e um grande flashback surge em meio às minhas memórias, de repente me vendo dentro de um momento agradável no passado. Era um dos muitos treinos com meu avô, um momento de superação e muita seriedade, minha e dele. A brisa batia gostosa no rosto num ambiente leve e calmo, distante da agitação da cidade, um diferencial para ter uma melhor concentração, disciplina e crescimento como sempre afirmou meu avô. Seus olhos fintavam os meus com fome de luta, e aguardavam estrategicamente o momento do embate. Vagarosamente movo minha mão em direção a bolsa ninja presa na cintura, aguardando também o momento certo para, em movimento, sacá-la. Milhões de ideias e táticas percorrem minha mente, uma atrás da outra, porém apenas uma seria aplicada ou até nenhuma, e o que prevaleceria seria o instinto ou os movimentos automáticos advindos dos treinos. Quando uma folha vinda de longe plana sobre o ar, e desce sem pretensões bem entre os dois ninjas ali presentes, é esperada a hora que a mesma tocará o chão e esse momento desencadeará o que todos esperam. Ao som da folha que toca à grama, os dois partem em máxima velocidade um contra o outro, um embalo crescente e necessário para impulsionar um golpe inicial. Com a kunai sacada desfiro um corte rápido, forte e bem manuseado na diagonal, porém ele esquiva lateralmente, e com a brecha que eu deixei enfiou o joelho em meu estômago me jogando longe numa altura que felizmente me permitiu rotacionar e com um novo impulso voar denovo em sua direção, um pouco mais lento devido ao golpe sofrido.
-- Aaaaaa
Ele me criticava:
--Seus golpes deixam muita brecha, melhore já isso !
Ainda com a kunai em mãos repito o mesmo movimento anterior com a aproximação rápida, que o faz repetir a esquiva e avançar novamente na minha brecha...
--Que cabeça oca, não apre....
Pórem era uma armadilha que eu havia aplicado, e desprenteciosamente ao aplicar o golpe, meu avô vê eu lançar algumas kunais de forma oculta, por detrás do meu corpo, que o surpreende, pois elas seguiam na brecha que eu havia deixado, o obrigando a fechar os braços e recuar, recebendo um corte leve na extensão dos dois braços. O próximo movimento era uma continuação do primeiro, já que solto a kunai do corte para apoiar e impulsionar meu corpo com a mão indo com uma voadora para derrubar meu avô. Com ótimos reflexos embora velho, ele abre novamente seu campo de visão e se esquivando parcialmente da voadora encaixa suas mãos em um dos meus pés e descontando as feridas sofridas me joga verticalmente com bastante força, me fincando no chão, causando um grande arranhão nas costas e um forte dor nos ossos, mas no instinto da adrenalina procuro uma forma de desvencilhar minha perna de sua mão chutando com a perna restante seu braço, que o faz esquivar e tomar uma pequena distância, enquanto gemendo me ergo lentamente.
Ele criticava:
--Seus golpes continuam dando grandes brechas, embora a ideia anterior tenha me pegado !
--Tente ser mais rápido e sempre pense que eu vou fugir ou conseguir me livrar, para estar a um passo dos meus raciocínios
--Essa é a vantagem de conduzir os ataques
--Vamos focar meu garoto
Respondia:
--Entendido, vovô
Com a total reabilitação após sofrer o revés, puxo outra kunai nas mãos e parto em velocidade reclinando um pouco a cabeça para aumentar a velocidade e me aproximando, salto com um mortal e desço com a perna bem estendida para girar vertical na altura da cabeça. Ele esquiva, contudo retiro seu tempo de reação recuando a perna e aplicando seguidos cortes horizontais com a arma, utilizando do embalo, para fazê-lo recuar bastante, ou obrigá-lo a puxar uma arma, neste momento sacaria uma outra kunai arremessando bem de perto. Como resultado da pressão ele recua bastante e vê duas kunais vindo com pouco tempo de reagir, e com sua vasta experiência não busca refutar as armas e procura um novo recuo, contudo imagino isso e com uma shuriken/linha realizo um contorno pelas suas costas e o cerco devido à linha presa a estrela cortante. O fio de aço agarra o corpo, envolvendo do ombro ao joelho deixando o alvo livre pra receber as kunais arremessadas que o perfura em dois pontos. Êxito será ? Não. Um gordo tronco é que sofre os danos e acima dele está meu vô batendo palmas pela iniciativa e falando:
--Tu tem jeito garoto
--Mas ainda é muito lento e tem golpes simples
--Mas bem engenhosos devo admitir
Que cai plenamente no chão e vem em minha direção de forma amistosa me dar um abraço e me conduzir a nossa casa para comer um pouco de café e bolacha, nosso hábito rotineiro desde de minha pequinês, era um velho alegre e orgulhoso com seu neto, porém escondido uma enormidade de mágoa em seu coração por razão de fatores que sinceramente, só me serão ditos em futuros capítulos, isto é, de futuros flasbacks ou memórias, pois é um tema bastante delicado pra mim e não quero falar tão cedo.
--A vida, meu fiote, é simples mas nós humanos a complicamos
--Quer ser o melhor ? Treine até aquilo fazer parte do seu inconsciente
--Quer ser o mais sábio ? Aprenda com os mais velhos e leia bastante
--Quer não fazer nada da vida ? Não faça
--Agora tudo isso se complica quando a sabedoria é escondida e segredada pelos anciões, por orgulho.
--Quando por questões políticas, os governantes limitam ou apressam a luta nos garotos que sem desenvolvimento não se tornam bons o suficiente
--E por aí vai até chegar numa matança, por questões meramentes de orgulho ou egos divinos, sem ao menos pensar no lugar do outro
--Nukenins são exemplos da maior ingratidão, de um ego grande demais que nada pra ele mais importa a não ser o poder a todo custo, isso é um rebaixamento sem igual mas você bom cidadão não pode vacilar, saiba que ele vai vir mais forte do que nunca, mas seu caráter e disciplina vão mostrar a ele o quão errado foi sua escolha, e isso vai se tornar exemplo.
--Ninjas que cultivam amigos tem um ideal profundo para se tornarem os ninjas mais fortes da história, porém tem um revés, amizade traz comodidade e conformidade, algo que você nunca deve ter meu neto, isso é a causa da derrota dos grandes países e dos grandes ninjas.
E assim me ensinava, sobre as coisas da vida e o que eu precisava seguir ou me alertar pra poder assim fazer e ser um pouco mais sábio.
Compartilho aqui, um pouco dos meus ótimos momentos com meu avô, um símbolo de todas as qualidades que um ninja deve ter, e que sempre agiu como um verdadeiro pai e mãe para comigo. E com isso eu posso dizer com bastante certeza, sem ele eu não seria nada nesse grande, vasto e perigoso mundo ninja.
--Avô, mas e se a vida me mostrar que um ninja renegado é sempre mais poderoso que um ninja do bem ?
--E se todos que estiverem ao meu redor como amigos forem acomodados e conformados ?
--Isso iria de encontro a tudo que o senhor me ensinou, e eu ficaria sem norte...
(Refutava com bastante inteligência o garoto)
E o avô impressionado pensava e tendo a solução encontrado, dizia calmamente:
--Nossos olhos são como espelhos turvos na maior parte do tempo
--Traduzem de forma imediatista cenários, e ainda por cima carregam a palavra nitidez com eles, mas na verdade eles nos enganam descaradamente e comumente ninjas renegados são especialistas em usar esse espelho pra corromper as mentes inocentes
--Por isso não se engane por seus olhos, e mantenha sempre todo o caráter e ideais que você aprendeu comigo ou com pessoas sábias, guardado bem fundo no seu peito, na sua mente e no seu coração
--Eles não irão te trair pode apostar
De repente, com uma grande ênfase nessa última frase, o flashback some como um sonho distante que volta a seu subconsciente. Acordo reflexivo, batendo sempre na última frase do flashback, imaginando o quanto isso precisa ser forte e nítido na minha vida, e permaneço lá na minha cama olhando para o teto e viajando em ideias, sonhos e suposições que testam minhas ideias e sonhos, porque eu tenho sempre o hábito de não ser influenciado de primeiro, creio que por todos os ensinamentos do meu avô, e testo vezes e mais vezes tudo que penso para conseguir tirar o melhor de cada estralo que consigo, que não deixa de ser um treino mental para aplicação de estratégias ou táticas no meio de batalhas, evitando equívocos bestas ou muitas vezes óbvio após revisões. Não que isso seja fácil, porém treino todos os dias para conseguir entender e controlar cada vez mais, minha mente. Enfim terminando um pequeno resumo do meu dia a dia.

Considerações:
+1400 palavras
Material ninja intacto(tudo que foi utilizado foi recolhido)
Status:
200 HP e 200 CH
avatar
Genin
Genin
Re: [FILLER] - em 22/5/2018, 12:09

@Aprovado

_______________________

avatar
Genin
Genin

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

resposta rápida

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum